Guilherme Augusto Robles Angelini

Engenheiro Agrônomo formado em 2005 pela Faculdade de Engenharia de Ilha Solteira, UNESP. Doutor em Agronomia – Fitotecnia pela da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ) e Embrapa Solos. Executou projetos de pesquisa em Biocombustíveis e Energias Renováveis, Emissões de Gases do Efeito Estufa, Qualidade do Solo e Sequestro de Carbono. A atuação profissional expande as Áreas de Microbiologia do Solo, Manejo e Conservação, Indicadores de Qualidade do Solo, Meio Ambiente e Sustentabilidade. Mestre em Ciência do Solo pela UFRRJ e Embrapa Agrobiologia com projetos de Recuperação de Áreas Degradadas e Reflorestamento. Possui experiências acadêmicas no exterior junto a University of South Florida e Fauba – Facultad de Agronomía de Buenos Aires.